Fator Digital - Performance e Resultados em Marketing Digital

6 dicas para melhorar a Newsletter de sua instituição de ensino

O e-mail marketing estabelece uma comunicação simples, direta e personalizável. Não é à toa que essa ferramenta seja usada desde os primórdios da internet comercial. Porém, as linguagens para a web evoluíram, então a Newsletter de sua instituição de ensino também deve acompanhar as mudanças.

A seguir, trazemos boas práticas para compor uma News informativa, atrativa e com altas chances de conversão. Acompanhe nossas dicas e bom trabalho!

Boas práticas para a Newsletter da escola

O brasileiro prefere navegar na web pelo celular. Dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) apontam que, em 97% dos lares conectados, o acesso à internet se dá pelo aparelho móvel. Em 39% dessas casas, não existe nem mesmo computador.

Esse hábito altera tanto o formato quanto o conteúdo dos e-mails. Um blocão de texto em PDF pode até funcionar na tela grande de um desktop. Já nas dimensões diminutas do smartphone, a leitura fica enfadonha.

Portanto, a Newsletter do educandário precisa se adaptar aos (nem tão) novos comportamentos dos consumidores. Ao mesmo tempo, deve preservar o que continua dando certo. Vamos às dicas:

  1. Chame o usuário pelo nome

Abra o texto com uma saudação, do tipo “Olá, [Nome do usuário]”. Sim, esse detalhe pode ser ajustado automaticamente, no próprio software que dispara os e-mails. É algo simples, mas que já proporciona uma sensação de exclusividade, como se a mensagem tivesse sido escrita especialmente para a pessoa. Segundo a consultoria Aberdeen, a personalização dos e-mails aumenta a taxa de cliques em 14%.

  1. Torne o conteúdo “escaneável”

Quem estudou teorias da imagem sabe como a hierarquia dos elementos visuais é importante. Ela direciona o olhar do indivíduo para os pontos essenciais da página. Espaços de “respiro” entre um bloco de texto e outro são igualmente necessários.

Sendo assim, torne o e-mail mais leve. Use imagens para separar uma notícia da outra. Deixe os títulos em destaque, depois insira um parágrafo curto e finalize com um call to action. Pode ser um botão de “leia mais”, com link para a matéria completa no site.

A fonte e o tamanho das letras devem ser pensados com cautela. Prefira famílias tipográficas que melhorem a legibilidade. E, claro, não se esqueça do cabeçalho com o logo da instituição, para reforçar a marca.

  1. Segmente as notícias

Uma mesma escola pode atender a perfis diferentes de pais de alunos. Tem família com filho na Educação Infantil, nas Séries Iniciais ou no Ensino Médio. Uma faculdade também trabalha com públicos diversificados: Graduação, Extensão, MBA etc.

Logo, o conteúdo da Newsletter deve ser segmentado conforme os interesses do usuário. Isso permite uma conexão ainda mais próxima com esse indivíduo. Publique todos os posts no site institucional e direcione-os, via e-mail, de acordo com as personas que a equipe de marketing adotou.

Dica de ouro: comece a mensagem pelo conteúdo mais importante. Assim, os leitores terão acesso à informação essencial sem precisar mover a barra de rolagem.

  1. Analise os dados dos e-mails

A taxa de abertura e a taxa de cliques são indicadores que ajudam a refinar a estratégia de e-mail marketing. Tome cuidado, apenas, para que os números sejam interpretados da maneira correta.

Por exemplo: se 2 mil endereços recebem a Newsletter e houve uma taxa de abertura de 2%, a mensagem atingiu 40 pessoas. Já numa News direcionada a 100 usuários, com uma taxa de abertura de 20%, apenas 20 sujeitos leram o conteúdo. Ou seja: menos gente, apesar de o percentual ser maior.

Não existe receita pronta para melhorar esses índices. No início, o processo vai na tentativa e no erro. Experimente publicar em outro dia ou outro horário. Vá ajustando a linguagem escrita até encontrar o tom adequado. Ainda, solicite feedback dos inscritos para obter dados qualitativos de análise.

  1. Mantenha a consistência

Uma vez que você tenha o formato ideal para a Newsletter da instituição de ensino, permaneça com ele. Mantenha o mesmo design e a mesma linha editorial, criando um senso de continuidade na comunicação. Essa uniformidade demonstra organização, comprometimento e credibilidade frente ao target.

Escolha uma periodicidade fixa, também. Pode ser semanal ou mensal, conforme a demanda por novidades. Mas não abuse da boa vontade do público. No lugar de um e-mail extenso por mês, melhor enviar mensagens curtas toda semana.

  1. Teste a Newsletter em diferentes plataformas

Atenção: o mesmo conteúdo pode aparecer de formas diferentes, dependendo da plataforma. Para evitar textos truncados ou imagens quebradas, teste a Newsletter em dispositivos variados – como smartphone, tablet e notebook –, bem como em diferentes navegadores e resoluções de tela.

Esperamos que, com essas dicas, a comunicação de sua escola ou faculdade renda ainda mais conversão. Quer saber tudo sobre captação de alunos e performance na web? Então continue de olho no blog da Fator Digital.

EAD: O FUTURO
DO ENSINO NO BRASIL
Um Ebook exclusivo para profissionais de marketing de instituições de ensino.
Um histórico do mercado de Ensino à Distância no Brasil e as principais tendências para o futuro, trazendo indicadores de comportamento do público e como se preparar para captar melhor os alunos.
BAIXE AGORA O EBOOK

Fator Digital

A Fator Digital é formada por uma equipe especializada, criativa e capacitada para executar projetos digitais com foco em resultados.
Atuação completa no planejamento de websites, portais e e-commerces e atuando ainda na gestão de campanhas online através do Google AdWords.